Território

O Vale do paraíba

O lugar físico onde pulsa o cotidiano, com suas tradições, invenções e todas as relações e dinâmicas sociais:

é assim que o território do Vale do Paraíba pode ser compreendido. Região de passagem e ligação desde os tempos coloniais, o Vale foi caminho para as Minas Gerais, para os portos do litoral, para o planalto de São Paulo, para a cidade do Rio de Janeiro. Diferentes povos desbravaram suas paisagens, povoaram regiões ainda não habitadas, fundaram vilas e cidades. E trouxeram em sua bagagem um pouquinho de cada lugar. Nas últimas décadas, tem sido uma das regiões mais importantes no processo de industrialização e urbanização de São Paulo e do Brasil. Essas dinâmicas econômicas e sociais que lapidaram o Vale favoreceram a constituição de uma rica diversidade cultural na região.

As terras do Vale do Paraíba estão localizadas no eixo Rio de Janeiro-São Paulo, compreendidas entre os primeiros trechos do Rio Paraíba do Sul e as encostas das Serras do Mar e da Mantiqueira. Assim, o nome – Vale do Paraíba – vem dessa Bacia Hidrográfica que cruza esta região, estendendo-se por quase todo o comprimento do Estado do Rio de Janeiro, separando parte dele do Estado de Minas Gerais.

Os limites geográficos da região do Vale, entretanto, são constituídos não só por belezas naturais, mas, sobretudo, por relações sociais, memórias e histórias que dão vida e forma para um território rico e dinâmico. Não existe uma separação estanque entre o novo e o antigo, o tradicional e o moderno: existe o presente e a terra que abarca, nos hábitos e nas celebrações das diferentes cidades, as marcas deixadas por tantas passagens e encontros ao longo de seus séculos de existência.

Um território vivo e pulsante da cultura popular